terça-feira, 29 de maio de 2012

Nesta Noite de Lua Azul


Nesta noite de lua azul e de cansaço
Peço ao vento o perfume das violetas
E a ti, a brandura de um regaço

14 comentários:

  1. Uau! Lindo por dentro e por fora ;)

    :)

    ResponderEliminar
  2. Que é como quem diz: Quero colo!
    ;)

    ResponderEliminar
  3. é bonito, é teu?
    aqui é noite de trovoada e da grossa, furacão alberto a despedir-se

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro, Xuxi. Quando não é meu, eu identifico :)
      Oxalá, não tenhas problemas por aí :)

      Eliminar
    2. pois é pá, esquece é alcool a mais (festa da grossa ha 5 dias seguidos pá), não te preocupes Vic, o Alberto bateu em SC e anda cá há mais de uma semana, mas está na fase final e amanhã já deve ter basado.

      Eliminar
  4. Versos assim fazem suar qualquer um.:)
    beijinhos
    Nina

    ResponderEliminar
  5. Suar, pois, desde que ditos pelo/a tal!:))
    bji
    Nina

    ResponderEliminar
  6. Ah... a brandura de um regaço... (suspiro)

    ResponderEliminar

Eu leio todos com atenção. Mas pode não ser logo, porque sou uma pessoa muito ocupada a preencher tempos livres!